Roteiro Lençóis Maranhenses, com direito a São Luís e Jericoacoara

Nos últimos tempos aprendemos que o planejamento nos permite extrair o melhor de cada lugar que passamos. Por isso nesta viagem pesquisamos muito sobre quanto tempo era necessário para conhecer os principais pontos de cada lugar que desejávamos ir. O intuito era conhecer os Lençóis Maranhenses, no Maranhão, mas com o planejamento que fizemos, conseguimos incluir alguns outros locais no roteiro e valeu muito a pena.

O planejamento foi feito em etapas, que incluem a compra das passagens, o planejamento do destino principal e planejamento dos destinos bônus. Aproveitamos muito os lugares, ficamos 7 dias e passamos por 3 estados: Maranhão, Piauí e Ceará. A ordem em que conhecemos os lugares foi: São Luís, Jericoacoara e para fechar com chave de ouro os Lençóis Maranhenses. Confere o detalhamento a seguir:

Compra das passagens

O nosso primeiro passo foi comprar as passagens, garantindo assim um custo muito mais baixo das mesmas. Conseguimos uma passagem com duração de 7 dias, pelo valor de R$ 520 por pessoa, saindo de Porto Alegre e chegando em São Luís. Compramos diretamente no site da Latam. Depois da compra das passagens começamos planejar os lugares que iriamos conhecer, nos hospedar e como iriamos fazer isso.

Lembrando a vocês, que mesmo que a viagem seja nacional, é muito importante contratar um seguro viagem. Nós contratamos com nossa parceira Allianz Travel e gastamos R$ 135 das 5 pessoas, lembrando que se você entrar pelo nosso link, ganha 3% de desconto automático e mais os cupons vigentes no site.

20190827_114645.jpg

Como nos locomover?

Como viajamos com meu pai, a mãe do Anderson e o padrasto dele chegamos a conclusão que em 5 pessoas, valeria mais a pena locar um carro do que depender de transfers, além do carro nos dar mais liberdade. Escolhemos locar na Rentacar, pela locadora Movida.

Antes de locar pesquisamos as condições de cada lugar que iriamos. Para chegar até Barreirinhas as estradas são muito tranquilas e qualquer carro aguenta, só que tem que ir com cuidado pois tem muitos buracos. Lembrando que é extremamente proibido entrar no Parque dos Lençóis Maranhenses de carro, então não faz diferença se é 4×4 ou não, somente as 4×4 autorizadas (chamadas jardineiras) podem entrar lá.

Para chegar em Jericoacoara (Ceará), passamos pelo Piauí, que na nossa opinião foram as melhores estradas que passamos entre os 3 estados. As pistas eram de faixas simples, mas não tinham buracos. Já chegando no Ceará as estradas ficaram criticas, quando entramos na estrada que levava até Jijoca de Jericoacoara, os buracos eram imensos e muito próximos um do outro. Ao chegar no acesso do Parque Nacional de Jericoacoara, ou seja, a entrada para a Vila de Jericoacoara; nos apavoramos, pois já era noite e tínhamos que passar pelas dunas para chegar até o estacionamento municipal.

Mas fiquem tranquilos, num próximo post vamos contar como conseguimos passar pelas dunas e no fim deu tudo certo, só queremos deixar claro que escolhemos uma Renault Duster, que não era 4×4, mas aguentou muito bem os lugares que passamos. E qualquer carro teria passado por lá, apenas escolhemos a Duster por causa do conforto por estarmos em 5 pessoas. Ela é espaçosa, alta, a economia é média, mas o custo-benefício que ela nos trouxe foi enorme. Uma excelente escolha, que nos custou R$ 1.130 com todos os seguros, até mesmo os de vidros e faróis que geralmente não inclui.

IMG_1945.JPG

Destino principal, Parque Nacional dos Lençóis Maranhenses

Primeiramente pesquisamos sobre o destino principal, os Lençóis Maranhenses. Como chegaríamos até lá? Qual seria a melhor porta de entrada? Lembrando que o Parque Nacional dos Lençóis Maranhenses tem uma área de 156 584 ha, e está distribuído pelos municípios de Barreirinhas, Primeira Cruz e Santo Amaro do Maranhão. Decidimos por Barreirinhas, que é a que tem mais estrutura para turismo, melhores estradas para chegar e fica a 256 km de São Luís.

Não existe uma duração ideal para conhecê-los, tudo vai depender do seu estilo, por exemplo algumas pessoas fazem bate e volta saindo de São Luís, outras preferem se hospedar uma noite, já outras ficam até uma semana por lá. Nós somos um meio termo, gostamos de explorar, mas quando se torna muito repetitivo enjoamos. Chegamos a conclusão que 3 noites e 2 dias seriam o suficiente para fazermos os passeios que queríamos e cabiam em nosso bolso. No primeiro dia chegamos de noite, aproveitamos o segundo e o terceiro dia de passeio e voltamos no quarto dia de manhã.

Depois disso conversamos com a empresa JBTour, muito atenciosos, passaram todas as opções de passeios que eles tinham e sugeriram os principais, além de o valor ter saído muito mais em conta do que as outras opções que tínhamos pesquisado. Ele nos sugeriu o Circuito Lagoa Azul e o Circuito Lagoa Bonita em um dia, e no outro o Circuito Caburé, todos os 3 passeios custam R$ 85 cada um e por pessoa. Fechamos os passeios com a empresa e valeu muito a pena (irei contar tudo em outro post).

Agora estava tudo certo e começamos pesquisar as hospedagens, vocês sabem o quanto amamos os Airbnb, então todas nossas hospedagens foram compradas no site. Lembrando que temos um desconto de R$ 130 de desconto na primeira hospedagem para você, clique aqui. Conseguimos um apartamento localizado em um condomínio na beira do Rio Preguiças, das 3 hospedagens que pegamos, essa foi a que menos gostamos e a mais simples (clique aqui para conhecer). Não era ruim, o condomínio era muito bom, com piscina, estrutura para festas e jogos, bem localizado, porém o apartamento tinha as coisas um pouco descuidadas. O custo dessa hospedagem foi de R$ 560 das 3 diárias e das 5 pessoas.

Destino Bônus, São Luís

Nosso voo pousou em São Luís e já que estávamos ali por que não conhecer o famosos Centro Histórico da cidade? Como chegamos no fim do dia, passamos 2 noite ali e 1 dia conhecendo a cidade. Essa duração foi o suficiente para nós, conhecemos muito bem o Centro Histórico e ainda passeamos pela praia. Aqui não gastamos nem um centavo em passeios, estacionamos o carro do lado do Cais, e fizemos todo passeio a pé. Oque mais amamos na cidade é que nenhuma visita guiada nos casarões históricos é cobrada, tudo free!!! Aaah como amamos isso 😂😂

Como já falei antes, a hospedagem foi adquirida pelo Airbnb, lembre-se do desconto aqui. Imaginem uma hospedagem linda, ela era localizada dentro de um condomínio, a poucos metros da praia. Um apartamento muito bem equipado, limpo e charmoso, se você quer conhecer clique aqui. Essa foi a hospedagem mais cara e nos custou R$ 530,00.

Destino Bônus, Jericoacoara

Já que estávamos na chuva, por que não se molhar? Vocês sabem que o Anderson ama dirigir, e nenhuma distância é empecilho pra nós. Decidimos levar nossos acompanhantes em uma aventura surpresa, eles não sabiam que íamos até lá. Que destino incrível! Valeu cada medo que passamos na estrada até lá (de noite) e cada um dos 387 km que fizemos a mais de Barreirinhas. Passamos 2 noites e 1 dia na Vila de Jericoacoara. Lembrando que não é possível entrar na Vila com o carro, é obrigatório deixá-lo em um estacionamento Municipal, que custa R$ 25 a diária e é cobrado mais uma taxa de R$ 5 reais por pessoa ao dia, como estávamos com 2 idosos, eles não pagaram. A entrada é cobrada pois é um Parque Nacional.

Existem 2 modos de entrar lá, um pela maré e outro pelas dunas, acesso de ambos é feito pela cidade de Jijoca de Jericoacoara. Se você optar pela maré, é mais fácil, porém você tem que saber os horários dela para seu carro não ser levado pelo mar (isso acontece frequentemente). Ou você pode entrar pelas dunas, que foi a nossa opção como era noite, mas pelas dunas é muito fácil atolar se você não tem uma 4×4. Irei fazer um post explicando como fizemos para passar por elas, mas foi hard. Vá preparado e pesquise muito antes de ir, mas tenha em mente: vale a pena!

O passeio contratamos na estrada antes de chegar lá, decidimos conhecer a parte Leste, mais um passeio novo que era pro Buraco Azul. Lugares incríveis, que nos fizeram querer voltar. O passeio custou R$ 60 por pessoa e mais R$ 10 cada um para ir até o Buraco Azul.

Sobre a hospedagem, essa foi um achado de ouro. Uma casa muito simples, limpa e charmosa, localizada dentro da Vila e próxima do centrinho de lá. Clica aqui e conheça, mas lembre que achamos muito melhor do que nas fotos. Das 2 noites que ficamos lá, ela custou R$ 280 de todos, o Airbnb mesmo apontava ela como uma “achado”.

20190830_111356

Por que vocês viajam tanto de carro?

Agora vamos responder essa pergunta clichê, para nós, com essa viagem de exemplo. A estrada também faz parte da experiência para nós, por exemplo nessa viagem nós achamos os Pequenos Lençóis Maranhenses pela estrada. Imaginem você estar dirigindo e do nada surgirem dunas e pequenas lagoas nas quais você para para se banhar? Uma delícia né?

Outro exemplo foram os milhos que paramos provar, milho grelhado e cozido, acompanhado por uma deliciosa água de coco, uvas e bala de banana artesanal. Além claro de termos provado a melhor carne de sol num restaurante na beira do asfalto com uma piscina feita entre umas pedras naturais. Só vimos coisas lindas!

Cada um dos destinos ai de cima vão ser detalhados, contaremos tudo que aconteceu. Então não deixe de nos acompanhar, e se você quer saber mais acesse nosso canal do YouTube que lá mostramos todos esses lugares lindos que conhecemos. No nosso Instagram também tem as dicas legais nos destaques de onde comer e etc, entra aqui.


Vai viajar? Então compre pelos nossos links para ajudar mantermos o site no ar!
Sem Pararganhe 3 mensalidades grátis e passe Sem Parar em pedágios e estacionamentos.
Hospedagem: Se você curte hotéis pode reservar pelo Decolarou Submarino Viagens, ou você pode acessar nosso site preferido para alugar casas e apartamentos, o Airbnb e ainda ganhar R$ 130 de desconto na primeira hospedagem.
Passagens Aéreas: acesse o DecolarViajanet ou Almundo e compare as companhias. Também pode acessar os sites da Latam , Qatar AirwaysIberia para comprar direto nas companhias.
Aluguel de veículos: compare os valores na Rentacar com frotas no mundo inteiro ou alugue no Brasil direto na Unidas.
Chip de internet internacional: hoje não da mais para ficar sem internet, então acesse o link da EasySim4U e garanta o seu, com planos em mais de 210 países.
Seguro viagem: não viaje sem o seguro, lembrando que na Europa é obrigatório. Acessa o link da Mondial e garanta os melhores preços.
Loja de artigos para viagens: itens essenciais para sua viagem você encontra na Loja Dá Para Viajar? , use o cupom VIAJANDOSEMDESTINO lá no site e ganhe 10% de desconto.
Passeios: para viajar com tudo organizado e sem deixar nada para última hora, compre os passeios no site GetYourGuide.
Curso de Inglês: viaje preparado para se virar em todas situações, faça o curso com a English Live.
Vinhos: se você é amante de vinhos como nós, deguste vinhos de todo o mundo no conforto da sua casa Vinho Fácil e Divvino.
Máquinas de café: assine a Nespresso. Beleza: não deixe de passar no Lisy Meotti Salon e ficar linda.

Um comentário sobre “Roteiro Lençóis Maranhenses, com direito a São Luís e Jericoacoara

Deixe um comentário

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair /  Alterar )

Foto do Google

Você está comentando utilizando sua conta Google. Sair /  Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair /  Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair /  Alterar )

Conectando a %s